Resultados

Número de homicídios em Salvador cai entre janeiro e agosto de 2014


A quantidade de Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLIs) registrados em Salvador, entre janeiro e agosto deste ano, caiu 1,4%, em relação ao mesmo período do ano passado. Destaque para os bairros do Nordeste de Amaralina, onde a redução alcançou 65,2%, com oito ocorrências em 2014 contra 23 no ano passado, além da Boca do Rio (queda de 56,5%) e Rio Vermelho e Barra (ambos com redução de 50%).
Nos últimos 15 dias, houve queda não apenas em Salvador, como também na região metropolitana (RMS). Os dados foram apresentados ao governador Jaques Wagner durante a reunião do Comitê Executivo do Programa Pacto Pela Vida, na tarde desta quarta-feira (3), na sede do Ministério Público do Estado, no Centro Administrativo da Bahia (CAB), em Salvador.

Para o governador, os dados positivos resultam do esforço conjunto de equipes de diferentes corporações. “O trabalho do Pacto pela Vida nos coloca no caminho certo, através do planejamento desse programa [estadual], criando um ambiente de colaboração e integração entre as polícias Militar, Civil e Técnica com o Ministério Público, a Defensoria e o Poder Judiciário, atingindo esses índices e intensificando as ações para redução, cada vez maior, da criminalidade no estado”.

Área metropolitana

Na capital baiana, de 16 a 31 de agosto, foram registrados 49 homicídios, o que representa índice de 12,5% menor que em 2013, quando foram contabilizados 56. Bairros como o Bonfim, CIA e Nordeste de Amaralina não apresentaram ocorrências, enquanto em Cajazeiras houve queda de 80% nos CVLIs, que incluem homicídios, latrocínios e lesões corporais .

Na região metropolitana, a redução foi mais expressiva, de 21,6%, com o registro de 29 casos em 2014 contra 37 no mesmo período do ano passado. As Áreas Integradas de Segurança Pública (Aisp) que tiveram maior queda foram Pojuca e Mata de São João, com 80%, e Dias D’Ávila, onde os números pela metade – um caso neste ano e dois em 2013. No acumulado de agosto, houve 15 homicídios a menos na RMS  em relação ao igual mês de 2013, fazendo o índice de CVLIs cair 8,1%. Salvador registrou 103 casos em agosto contra 102 no mesmo mês do ano passado.

Interior

Além de Salvador e RMS, foram apresentados dados de municípios do interior do estado, entre os meses de janeiro e julho de 2014, comparando-se com a mesma época do ano de 2013. Destacam-se a Região Metropolitana de Feira de Santana, onde a redução do número de CVLIs foi de 37,8%, e Seabra, que conseguiu diminuir o índice em 18,2%.